Filmes · Gabriel Moura · indicação · Reflexão

A Leoa (2016)

Olá tudo bem?

Falarei hoje sobre o filme “A Leoa” (Løvekvinnen, título original).

a leoa filme indicação gabriel moura 2017 blog loucuras de julia 01 banner

Produção norueguesa de 2016, o filme é baseado no romance de Erik Fosnes Hansen, conta a história de Eva (Mathilde Thomine Storm). Ao nascer, em 1912, Eva já trouxe muito sofrimento a seu pai, chefe de uma estação de trem de uma pequena cidade norueguesa, pois o nascimento dela foi acompanhado da morte de sua mãe. Mas o destino reservou outra peculiaridade para Eva: ela nasceu com uma rara condição genética que faz com que os pelos de seu corpo cresçam em grande quantidade. Vista como uma aberração da natureza pelos moradores da cidade, Eva é mantida escondida em sua casa, onde brinca e estuda sozinha.

O filme apresenta 3 momentos da vida de Eva. Quando criança ela pouco interage com outras pessoas que não sejam seu pai e a empregada Ruth. Na adolescência ela consegue convencer seu pai a ir para a escola e sofre terrivelmente com seus colegas de classe que chegam a machucá-la. O pai de Eva resolve então levá-la para uma clínica que supostamente está fazendo novas pesquisas que podem ajudar com o problema de Eva, mas ao chegar ao local e se ver sozinha, ela descobre que o lugar não era aquilo que mostrava e é abusada pelo falso médico.

a leoa filme indicação gabriel moura 2017 blog loucuras de julia 02

Ao retornar para casa, o pai de Eva começa a buscar endireitar a relação com a filha, a leva para jantar e passear, mas ainda a mantém presa em casa na maior parte do tempo. Então ocorre um pequeno salto no tempo e Eva agora como uma jovem adulta foge de casa e busca um circo itinerante que mostra pessoas com deficiência como se fosse um circo de horrores. Lá Eva junta dinheiro e vai em busca de seu sonho: ser professora de matemática e desenvolver uma pesquisa sobre o número Pi.

Um filme comovente que levanta algumas questões relacionadas ao preconceito que pessoas com alguma deficiência sofrem em nossa sociedade. “A Leoa” mostra que a  primeira discriminação ocorre dentro da própria família, e que a sociedade definitivamente não está preparada para lidar com diferenças. E não apenas diferenças físicas, mas inclusive diferenças de gênero, de pensamento, de cor da pele.

a leoa filme indicação gabriel moura 2017 blog loucuras de julia 03

Enfim, um filme que se passa no início do século XX na Noruega, mas que poderia muito bem ser rodado no Brasil dos dias atuais.

Confira o trailer:

Até a próxima!

selo-gabriel-mouraConheça também meu blog pessoal: Resumo de Livro


Acompanhe o blog também pelo Facebook: Loucuras de Julia


 

2 comentários em “A Leoa (2016)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s